O design de software morreu? (InfoQ)

Deixe um comentário

E aí pessoal? Tudo beleza?

Sempre que sobra um tempinho, gosto de participar de eventos da área de TI. Muitos eventos excelentes não tive a oportunidade de particiar, algumas vezes pela distância, outras vezes por conta do trabalho e/ou porquê estava sem grana 😦 . Felizmente alguns sites, como o InfoQ, disponibilizam algumas palestras (com certo atraso, mas nada que atrapalhe) em eventos nacionais e internacionais importantes, como o DevCamp, AgileBrazil, BrasilJS, etc.

Esses dias assiti uma palestra do Eder Ignatowicz entitulada “O design de software morreu?”,  que trata do design de software e a cultura agile. Recomendo a todos os desenvolvedores:

http://www.infoq.com/br/presentations/design-software-morreu

Fonte: InfoQ

Adicionando imagens via CSS em aplicações JSF 2.0

Deixe um comentário

Introdução

Uma boa prática para o desenvolvimento de aplicações web é a utilização do padrão MVC (Model-View-Controller) onde a aplicação (e suas responsabilidades) é separada entre seu domínio (Model), sua apresentação (View) e como as ações de entrada do usuário, através da View, refletem no domínio (Controller).

No mundo Java, existem algumas centenas (ou milhares) de frameworks para desenvolvimento web que seguem esse padrão, entre os mais conhecidos estão o Apache Struts, o Spring e o JavaServer Faces (JSF). Para entender melhor a diferença entre eles, sugiro a leitura do artigo “Entenda os mvcs e os frameworks action e component based” que encontra-se nas referências. Entre algumas dessas diferenças, encontra-se a maneira como os recursos (css, javascript, imagens, etc.) são carregados por eles para a camada de visão (a View do MVC). Aí ocorreu um problema muito chato comigo ao desenvolver aplicações utilizando o JSF 2.0.

Problema

Ao utilizar o padrão do JSF 2.0 para gerar a camada de visão (arquivos .xhtml), simplesmente as imagens de fundo ou imagens carregadas pelos arquivos CSS não apareciam! Pensei que fosse algum problema com meus arquivos, mas ao utilizar o Twitter Bootstrap em outro projeto, framework front-end para desenvolvimento de páginas web, verifiquei que o mesmo problema continuava. Mesmo seguindo os padrões de desenvolvimento do JSF (colocar todos os recursos dentro de uma pasta /resource, separando-os em pastas de acordo com seu tipo), as imagens nunca eram carregadas!

Solução

Em seus arquivos CSS, sempre que for utilizar uma imagem através deles, simplesmente troque:

url("../images/caminhoParaOArquivo/arquivo.png");

por:

url("#{facesContext.externalContext.requestContextPath}/caminhoParaOArquivo/arquivo.png");

onde caminhoParaOArquivo/arquivo.png é o caminho onde está o arquivo da imagem. Em um projeto JSF 2.0, geralmente fica “/resources/images/nomeDoArquivo.png“.

Essa mudança faz-se necessária devido ao funcionamento do ciclo de vida do JSF, como visto aqui.

Referências:

MVC

JavaServer Faces

Outras

Resolvendo problemas de acentuação no Texmaker no Ubuntu 11.10

5 Comentários

acentuação tex

Após iniciar meu mestrado,  fui “obrigado” pelo meu orientador a utilizar o Tex/LaTeX para edição/confecção de documentos e apresentações. No começo achei ruim, mas hoje agradeço por conhecer e utilizar essa ferramenta fantástica.

Após uma procurar por aplicativos que me auxiliassem na edição desses arquivos, encontrei o Texmaker. Basicamente ele um aplicativo multiplataforma (Windows, MacOS e Linux) que possui, entre outras funcionalidades, suporte a  unicode, corretor ortográfico, auto-complete, um visualizador de pdf embutido, assistentes para geração de tabelas, figuras, etc. Além disso ele é um projeto open-source (GPL) e está disponível nos repositórios oficiais do Ubuntu.

Os problemas de acentuação começaram a aparecer no Texmaker após a atualização do meu sistema Ubuntu da versão 11.04 para a 11.10. Após algum tempo editando um documento, o editor simplesmente não colocava os acentos no locais corretos. Um exemplo corriqueiro do problema aparecia na hora de digitar a palavra não. O editor simplesmesmente trocava a grafia correta dessa palavra por na~o. Para contornar esse problema era necessário reiniciar o aplicativo. Mesmo após algumas atualizações pelo Update-Manager o problema persistia.

Após algumas buscas no Google, descobri que esse problema ocorria devido a falta de uma biblioteca qt, a  ibus-qt4. Para instalá-la e solucionar esse problema de vez basta digitar o comando abaixo no terminal:

sudo apt-get install ibus-qt4

Para que estiver interessado em outros editores Tex/LaTeX, um bom comparativo pode ser visto aqui.

Problemas com o corretor ortográfico do LibreOffice

1 Comentário

Olá pessoal,

depois de um bom tempo sem postar nada (acho que mais de 1 ano) devido ao aperreio que passei no primeiro ano do mestrado, acho que, enfim, voltei :).

Depois de uns 8 meses usando apenas o LaTex para confecção de meus trabalhos/apresentações/relatórios (altamente recomendado para isso), fui obrigado a utilizar um pacote office para redigir minha proposta de dissertação, já que o modelo da mesma é disponibilizado apenas em um arquivo .doc, e encontrei um probleminha meio chato: o corretor ortográfico funcionava apenas para a língua inglesa.

Depois de algumas buscas no google sem sucesso e correções feitas pelo meu orientador, descobri a dica de como corrigir esse problema no Ubuntu Fórum, mais precisamente através da dica do cesargcomp que pode ser encontrada aqui.

Para correção do problema você terá que baixar três extensões para o LibreOffice (que também servem para o OpenOffice). São elas:

  • VERO: Corretor ortográfico que já com o novo acordo ortográfico feito entre os países de língua portuguesa. Pode ser baixado no seguinte link: http://www.broffice.org/verortografico/baixar. Baixe o arquivo Vero_pt_BR_VersaoAtualAOC.oxt, onde VersaoAtual é substituído pelo número da versão recente extensão.
  • DicSin: Dicionário de sinônimos para o LibreOffice. Para obtê-lo, visite: http://www.dicsin.com.br/content/download.php.
  • CoGrOO: corretor em nível sintático (colocação pronominal, . Também pode ser utilizado como corretor gramatical, mas o próprio site do projeto é aconselha o uso do VERO para essa finalidade. A última versão do CoGrOO pode ser encontrada aqui.
Após baixar os três arquivos, abra o LibreOffice. Na barra de  menus, vá em Ferramentas -> Gerenciador de extensões (ver Figura 1).
Figura 1

Figura 1

Uma nova janela irá abrir e nela clique no botão Adicionar… o selecione os arquivos baixados anteriormente. Reinicie o LibreOffice e vá em  Ferramentas-> Opções. Na janela de Opções vá em Configurações de Idioma -> Idioma e mude o idioma padrão para Português (Brasil), como na Figura 2.

Figura 2

Figura 2

Caso tenha qualquer dúvida, fique a vontade para postá-la nos comentários.

Artigo Easy Java Magazine

1 Comentário

Easy Java Magazine 7

Pessoal, venho comunicar que meu primeiro artigo para a Easy Java Magazine foi publicado semana passada (o aviso está meio atrasado por conta das muitas atribuições do mestrado :p).

Adivinhem sobre o que é o artigo? Quem chutou que é sobre Java ME acertou!

É a matéria da capa: “Primeiros Passos com o Java ME”. Para acessá-la, basta seguir o link: http://www.devmedia.com.br/post-21378-Revista-easy-Java-Magazine-7.html

Gostaria de agradecer ao Eduardo Spínola, editor da DevMedia, pela oportunidade de escrever esse artigo, e ainda mais por ser a matéria da capa.

Dúvidas e sugestões são bem-vindas.

Ubuntu e problemas com botão direito touchpad HP Pavilion

27 Comentários

broken mouse

Uma dica rápida para quem, assim como eu, possui um HP Pavilion dv5-2040br e ao instalar o Ubuntu passou por uma experiência um pouco “chata” mas bastante limitadora: um botão direito do touchpad não funciona de jeito nenhum. Não conseguia usar os menus do Gnome de forma decente, estava impedido de usar o AWN ou Docky satisfatoriamente e não podia abrir os links do Firefox em abas. Eu tinha que ter um mouse disponível o tempo todo para fazer tais coisas. Muito chato.

Depois de muito procurar na internet e não obter nenhum sucesso, desisti por um tempo. Mas ontem algo fez com que eu procurasse mais uma vez no www.vivaolinux.com.br e encontrei alguém com o mesmo problema que o meu e, como sempre acontece, a solução apareceu graças ao raulrgr. O link com a solução original está aqui.

Siga os passos abaixo caso você se encontre nessa mesma situação

1. Abra o terminal e digite o comando:

$ sudo apt-get install dkms build-essential

2. Você vai precisar baixar um arquivo clicando aqui.

3. Pelo terminal, vá para onde você baixou o arquivo

$ cd /home/seunomedesusuario/ondevcbaixouOarquivo

4. Mais comandos

$ tar xvf psmouse-2.6.35-22-generic-patched.tar.bz2.tar

$ sudo mv psmouse-2.6.35-22-generic /usr/src

$ cd /usr/src

$ sudo dkms add -m psmouse -v 2.6.35-22-generic

$ sudo dkms build -m psmouse -v 2.6.35-22-generic

$ sudo dkms install -m psmouse -v 2.6.35-22-generic

5. Reinicie o PC e depois faça os testes com o botão direito.

Para mim funcionou. E para você?

Dúvidas e sugestões nos comentários.

Problemas ao compartilhar arquivos via bluetooth no Ubuntu

2 Comentários

Imagem Ilustrativa

Olá pessoal.

Essa é uma dica que será útil para quem passou a seguinte situação no ubuntu: você consegue enviar dados do seu pc ou notebook para seu celular via bluetooth, mas o inverso não dá certo. Passei por essa situação assim que comprei meu notebook, um HP Pavilion dv5-2040br, e tentei compartilhar dados com meu celular. Achei estranho passar dados por um lado mas não pelo outro, pois no meu PC conseguia trocar fotos, arquivos e vídeos via Bluetooth sem nenhum problema. Então me perguntei: “Que raios está acontecendo?”.

Procurando no Google achei uma postagem do Diego Silva no www.bestlinux.com.br, onde ele explicava que, caso ocorresse o problema descrito acima, bastava executar o seguinte comando:

sudo apt-get install gnome-user-share

que deve ter uma saída semelhente a:

Output Bluetooth Package installation

Caso o problema persista, faça o seguinte:

1 – Clique no ícone do Bluetooth, localizado no canto superior direito da barra do Gnome

Selecionando icone bluetooth

2 – Depois vá em Preferências (Preferences)

Bluetooth icon preferences menu

3 – Na janela que abrirá, clique no botão Arquivos Recebidos (Receive Files)

Bluetooth Preferences

4 – Mais uma janela abrirá. Verifique se ele se encontra como a figura abaixo:

Bluetooth file sharing preferences

Pronto, acho que isso deve bastar. Postem nos comentários qualquer dúvida ou sugestão.

Até mais.

Older Entries